projeto
naologado
http://coletividade.com.vc
loading
Entrar
Atenção!
7357ae7046fe17a25bf1cac7d6fd9016.jpg

Grupo de dança folclórica precisa de automóvel - finalizado

Ajude a incentivar o projeto de Dança Folclórica lançado por Alpen Bach

Horst Spies, brasileiro, ascendência germânica, nasceu e vive até hoje em Pomerode, SC.

Começou a participar de danças folclóricas em 1979. Como queria renovar a maneira de dançá-las e ninguém o apoiava, após 5 anos desligou-se do grupo. Em 1986, junto à sua esposa, fundou um novo grupo de danças folclóricas, porém devido a compromissos de trabalho, permaneceu apenas como orientador. No ano 2000 resolveram iniciar uma Categoria Infantil, aproveitando o fato de sua filha adotiva estar com 8 anos, e de haver várias crianças que ficavam sem atividade, enquanto seus pais se reuniam para se divertir jogando cartas, etc.

O nome escolhido por ele foi Grupo Folclórico Alpen Bach. Alpen significa montanha e Bach significa riacho, justamente como é a localização da cidade de Pomerode – entre montanhas e riachos. Daí se inicia a história do Grupo, que se apresentou pela primeira vez em 2002, na Festa Pomerana, o maior evento da cidade, e desde então está sempre presente na festividade. Mantinham o grupo fazendo Bingos beneficentes, cuja renda era usada para confeccionar os trajes típicos. Desta forma, seguiram até o ano de 2009. Neste ponto, muitas das crianças já haviam se tornado adultas, então foi formado o Grupo na Categoria Adulto. Com isso, conseguiram atrair também muitos jovens que ficavam nas ruas, sem fazer nada aos domingos à tarde, juntando-os com os maiores que haviam subido de categoria de seu grupo infantil.

E no mesmo ano, formados os dois grupos folclóricos Alpen Bach – categorias infantil e adulto, receberam a honra do Título de Utilidade Pública, referendado na Lei Municipal nº 915, de 17/05/1990. Hoje, o Grupo Folclórico Alpen Bach é referência no que diz respeito a Danças Folclórica Germânicas na cidade (originárias da Baviera, Tirol Austriano e Pomerânia), após 13 anos de trabalho e dedicação incansáveis. Além da festa Pomerana, apresentam-se nas Festas de Rei e Rainha dos Clubes Culturais do município e cidades vizinhas, festas em igrejas e escolas, Oktoberfest, Schützenfest, Fenarreco, Festa do Imigrante, etc. Agora já estão sendo solicitados a se apresentar em cidades mais distantes. O principal objetivo do grupo é preservar e cultivar as tradições de seus ancestrais, que atravessaram o Oceano Atlântico nos idos de 1800, fazendo desta região a sua nova pátria. Por esta razão, não participam de competições, nem cobram cachê por apresentação, somente despesas de viagem e alimentação. Todos os integrantes são amadores e voluntários, muitas vezes pagando suas despesas de seus próprios bolsos. Os trajes estão sempre em dia, pois recebem uma subvenção anual da Prefeitura para isso. Então, para dar continuidade a este belo trabalho, ampliando sua área de atuação, levando alegria e a sua cultura a outras localidades, necessitam adquirir um veículo para o transporte de todo o material usado nas apresentações, como lenha, machados, serras, barril de madeira (200 litros), frigideiras, etc, além dos integrantes do grupo

AGENDA DE APRESENTAÇÕES DO GRUPO ALPEN BACH


24/08/2013 - Data Reservada-C.C.T.Alto Rio do Testo
07/09/2013 - Apres.Associação Cultural 1º de Maio-Festa Aniversário
12/10/2013 - Apresentação na Heimatfest-Forquilhinha-SC
26/10/2013 - Data Reservada-C.C.T.Alto Rio do Testo
06/11/2013 - Apresentação - Netzsch - 40 anos em Pomerode
08/11/2013 - Apresentação - Netzsch - 40 anos em Pomerode
09/11/2013- Apresentação - Netzsch - 40 anos em Pomerode

3
incentivadores
499
visitantes
60
dias
Meta: R$ 57.000,00
R$ 60,00
(0% do objetivo)
Este Projeto será realizado se receber, pelo menos, R$ 57.000,00 de incentivo até o dia (a definir).
Alpen Bach está oferecendo Recompensas incríveis para quem incentivar o seu Projeto. Veja, abaixo, a relação dos valores e suas respectivas Recompensas: